segunda-feira, 31 de março de 2014

Chocolate amargo denuncia o trabalho infantil

Para alertar sobre o atual problema do trabalho infantil que acontece no país africano na Costa do Marfim, a agência portuguesa BAR resolveu criar a campanha intitulada "O que cá é doce, para estas crianças é amargo" para a ONG Inspirit, com o intuito de fazer o lançamento fictício de um novo chocolate quente.



Ao experimentar, as pessoas notavam algo de estranho, pois o problema é que o chocolate era tão amargo que se tornava impossível de beber. Após tomar o chocolate quente, as pessoas eram confrontadas com a mensagem: "Amarga é a vida das crianças que trabalham nos campos de cacau". Em seguida, elas foram convidadas a conhecer melhor o projeto. 

A ONG pretende através de exemplos reais, expor a esperança em oposição à miséria, inspirando e tocando os corações de todos aqueles que querem ajudar quem mais precisa. O objetivo é arrecadar fundos para a construção de cinco escolas para as crianças vítimas de trabalho infantil. Recentemente, abordamos por aqui o tema sobre o lado negro do chocolate ao redor do mundo, onde através de câmeras escondidas, a equipe da produção do documentário conseguiu registrar cenas tristes de empresas que acobertam o tráfico de crianças e ainda usam trabalho infantil nos cacauzais.

Se você ficou interessado em ajudar, saiba que as contribuições podem ser feitas através de voluntariado, de ideias, trabalho oferecido a partir de casa e também de contribuições financeiras. A campanha aconteceu no Centro Comercial Oeiras Parque de Lisboa, em Portugal. Confira as diversas reações das pessoas que a produtora Krypton preparou no vídeo abaixo.



Nota: O que você achou da ação?

0  comentários:

Postar um comentário

Buscar

 

Facebook

Publicações recentes


Parceiros

CupomVálido
Jogos Friv

Arquivos