sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

A realidade nua e crua do leite industrializado

Há algumas semanas, uma jovem resolveu publicar um vídeo alarmante sobre a indústria do leite, dos queijos e de outros derivados. Nele, a ativista norte-americana Erin Janus, de 20 anos, explica através de seus argumentos com embasamento de como funciona a indústria de laticínios em apenas cinco minutos.


A jovem evidencia de que quando um bezerro nasce ele logo é separado praticamente de imediato de sua mãe e trancafiado dentro de uma caixa. A explicação para isso é porque se o filhote ficasse perto de sua mãe, ele beberia o seu leite. Por isso, às vezes ela chora por dias pelo seu bebê. Entretanto, quem faz isso, será que possui alguma empatia com o sentimento da vaca como se fosse realmente o seu filho ou apenas está pensando em obter vantagem? A ativista explica que o vínculo entre a vaca mãe e o seu filhote é muito forte e afetuoso. Além disso, a Erin destaca que seu o bebê for macho, a sua garganta é cortada e vendida como vitela (nome utilizado para o produto da criação de carne branca e macia de bezerros).

É comum na indústria mesmo na produção orgânica, as vacas "decaírem" na produção contínua de leite ao fim de quatro ou cinco anos. Porém, o que acontece é que a produção de leite diminui de qualquer jeito após esse período de 4 ou 5 anos. Por isso, as vacas que sobrevivem são mortas para produzir hambúrgueres e bifes. E quanto ao cálcio e a proteína que dizem, diversos estudos apontam que quem consome grande quantidade de lacticínios, na realidade apresenta maiores chances de fratura óssea e osteoporose.

E se não bastasse isso, a garota diz que a indústria de laticínios além de ser parcialmente responsável pelo problema, também se infiltrou no sistema educacional, em programas de nutrição e na mídia para nos convencer de que você precisa beber leite. Ao final, a ativista convida o público para experimentarem leite de amêndoa, de aveia, soja, linhaça, de arroz, castanha-do-brasil, macadâmia, castanha de caju, ou seja, qualquer leite, menos de vaca. Assista ao vídeo e não se esqueça de ativar as legendas em português.



Nota: O que você achou do vídeo?

2 comentários:

  1. Este mundo é feito de seres desumanos que matam e torturam os pobres animais dizendo que precisa da carne para suprir o que o corpo precisa. Há outros meios de suprir o que o nosso corpo precisa por outros alimentos que não seja a carne. O problema é que a humanidade é composta de pessoas ruins e sem coração.Os animais merecem viver assim como o homem quer viver.

    ResponderExcluir

Buscar

 

Facebook

Publicações recentes


Parceiros

CupomVálido
Jogos Friv

Arquivos