quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

A polêmica em torno da campanha do governo

De modo geral, um grande problema em muitas pessoas é não ter o hábito da leitura. Ler não é somente juntar letras e formar as palavras. O fundamental significa interpretar para decodificar a mensagem. No entanto, todas essas mensagens podem ser interpretadas de formas bastante diferentes por cada indivíduo.


Isso porque a decodificação depende do histórico de vida de cada pessoa. A campanha intitulada "Gente boa também Mata" de conscientização criada pela agência Nova/sb para o Ministério dos Transportes que alerta o perigo de usar o celular enquanto dirige é um bom exemplo disso. Ora, ter liberdade de expressão para dizer tudo o que você tem para falar sem se importar com o que os outros pensam é ser autêntico e de vez em quando, também pode gerar algumas risadas, o que acaba estimulando o cérebro para liberar endorfina e serotonina, substâncias responsáveis pela sensação de prazer e bem-estar. 

Porém, quando esse limite tênue entre o que é comédia e ofensa, entre o que é legal e aquilo que gera intermináveis discussões judiciais pode ser prejudicial. Nesta onda de intolerância, preconceito e pessoas que seguem rigorosamente o politicamente correto nos dias atuais com o intuito de agradar a todos, fazer algo provocativo que estimule a reflexão do indivíduo será uma ótima saída para aumentar o engajamento, além de servir de instrumento base para revermos o que de fato tem importância, evitando julgamentos e usando o tempo para fazermos a diferença em prol de todos.



Nota: O que você achou do vídeo?

0  comentários:

Postar um comentário

Buscar

 

Facebook

Publicações recentes


Parceiros

CupomVálido

Arquivos