terça-feira, 10 de outubro de 2017

Uma crítica reflexiva à nossa sociedade atual

Em seu clipe, o artista Moby faz críticas com a música "In this cold place" à forma como a sociedade está mudando. A animação feita pelo ilustrador inglês Steve Cutts traz referências de diversos personagens da televisão e de desenhos animados antigos. O enredo é retratado um futuro, talvez, não muito distante.


O clipe mostra a chegada à presidência de Donald Trump nos primeiros meses de governo. O presidente norte-americano é representado por um robô em forma de cifrão que destrói tudo que vê pela sua frente. Além disso, o clipe também faz muitas críticas sociais ao consumo desenfreado, aos maus-tratos dos animais, a indústria da carne e do leite, opressão, financiamento de armas para guerras, crescimento do ódio, ganância e do individualismo, a falta de humanidade atual, a esperança de um herói que irá salvar a raça humana (pois se continuarmos destruindo todas as espécies e recursos do planeta, o que irá sobrar?) e um personagem de uma criança que passa sua infância até a sua idade adulta constantemente sentada em frente a uma televisão vendo as injustiças que ocorrem diariamente no mundo.

Ao final, aparece um indivíduo comendo dinheiro (que remete ao discurso do Greenpeace, onde diz que "Quando a última árvore tiver caído, quando o último rio tiver secado, quando o último peixe for pescado, vocês vão entender que dinheiro não se come", já que foi isso que apenas restou. Para finalizar, temos a sociedade se libertando da imposição (só que a mudança parece ter sido feita um pouco tarde, já que tudo foi devastado) e o robô Trump explodindo. Diante desse momento no qual estamos vivendo, o clipe surge como uma forma de reflexão para que possamos determinar o futuro da vida no planeta.



Nota: O que você achou do vídeo?

0  comentários:

Postar um comentário

Buscar

 

Facebook

Publicações recentes


Parceiros

CupomVálido

Arquivos