quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Mariana pede que não se esqueça da tragédia

Mais de dois anos depois da maior tragédia ambiental do Brasil, pouco foi feito. O processo ficou suspenso na Justiça por quatro meses. Só 1% das multas foi pago. As vítimas ainda não receberam suas novas casas. E os causadores da calamidade que devastou Bento Rodrigues, em Mariana, continuam rumo à impunidade.


A campanha intitulada "Não Esqueça Mariana" estrelada pela atriz Mariana Ximenes busca lembrar-se da tragédia que ocorreu no mês de novembro de 2015 na cidade de Mariana, em Minas Gerais, quando milhões de litros de lama, operada pela mineradora Samarco. A lama chegou ao rio Doce, cuja bacia hidrográfica abrange 230 municípios dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, muitos dos quais abastecem sua população com a água do rio. Ambientalistas consideraram que o efeito dos rejeitos no mar continuará por pelo menos mais cem anos.

Em meio às ruínas do local, a atriz aparece apenas de maiô e chapéu sentada numa cadeira de sol com os destroços de uma casa que foi engolida pela lama da barragem como cenário. Escombros de outra casa, um bar e a fachada do que sobrou de uma escola municipal de Bento Rodrigues também são usados no vídeo. Também faz parte da comunicação um ensaio fotográfico com a atriz. As peças podem ser conferidas nas redes sociais e no site da campanha. Além disso, voluntariamente, a Laís Guebur traduziu o vídeo do manifesto para libras para que os surdos tenham acesso ao conteúdo.


Nota: O que você achou do vídeo?

0  comentários:

Postar um comentário

Buscar

 

Facebook

Publicações recentes


Parceiros

CupomVálido

Arquivos