terça-feira, 14 de dezembro de 2021

O plástico que acaba no mar, acaba com o mar

No território brasileiro, em média, 325 mil toneladas de plástico acabam no oceano por ano. Esse descarte impacta na vida marinha, nos ecossistemas e também na atividade pesqueira. Diante dessa realidade, a Oceana defende a redução na oferta e consumo de itens plásticos, especialmente produtos descartáveis.

Por isso, com o intuito de conscientizar e também mostrar os perigos do uso do plástico, a agência 3AW criou a campanha intitulada "Peixe" para a ONG internacional Oceana, focada na conservação dos oceanos. Com o mote "O plástico que acaba no mar, acaba com o mar", a peça se passa em uma barraca de peixes em uma feira livre. Após a escolha do peixe, a freguesa arregala os olhos, demonstrando sinal de espanto com a situação e é surpreendida por uma sacola plástica que é retirada do próprio pescado. 

Ao final, a campanha termina com a seguinte mensagem: "Reuse. Reduza. Reaja." A produção é da Last Potato e da Nova Onda. "Esse filme, com humor leve e direto, mostra que as consequências da produção, e do uso excessivo do plástico pela sociedade, é que eles permanecem nos oceanos e voltam para nós mesmos", explica Roberto Sá Filho, diretor de Criação da 3AW. Confira esta campanha no vídeo abaixo.

Nota: O que você achou do vídeo?

0  comentários:

Postar um comentário

Buscar

 

Facebook

Publicações recentes


Parceiros

CupomVálido